Alagoas, 11 de dezembro de 2019

Piloto do avião que caiu com Teori tentou pousar duas vezes antes do acidente


A análise do gravador de voz da caixa-preta do avião que caiu com o ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), aponta que o piloto da aeronave fez duas tentativas de pouso no aeroporto de Paraty (RJ) antes de cair no mar, apurou a TV Globo. A gravação também demonstra que não houve pânico dentro da aeronave antes da queda.

A caixa-preta do avião – que chegou no sábado (21) a Brasília – está sendo analisada no Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa).

Nesta terça (24), a Aeronáutica informou que a análise preliminar da caixa-preta não apontou “qualquer anormalidade” nos sistemas da aeronave. Os peritos conseguiram acessar os 30 minutos de gravação do equipamento.

Segundo investigadores ouvidos pela TV Globo, ao longo da gravação é possível ouvir nitidamente apenas as voz do piloto Osmar Rodrigues, que estava no comando do King Air C90 prefixo PR-SOM. A gravação captou outras vozes ao fundo, mas são inaudíveis, provavelmente, dos quatro passageiros da aeronave.

Rodrigues, que também morreu no acidente aéreo, conversou sobre assuntos técnicos durante o voo com outros pilotos que estavam voando pela região. Não há torre de controle no aeroporto de Paraty.

Fonte:  Jornal Hoje