Alagoas, 23 de agosto de 2019

Temer deve anunciar indicação do novo ministro do STF na próxima semana


Como havia prometido após a morte do ministro Teori Zavascki, o presidente Michel Temer agora pretende fazer sua indicação à vaga deixada pelo magistrado no Supremo Tribunal Federal (STF). Temer havia declarado que só faria indicação após a escolha do novo relator da Operação Lava Jato na Corte entre os ministros que já compõe o tribunal.

Por meio de sorteio eletrônico o ministro Edson Fachin herdou os processos do Petrolão que estavam com Teori. O ministro Teori Zavascki era o relator da Operação Lava Jato no âmbito do tribunal e morreu no dia 19 de janeiro, em acidente aéreo na região de Paraty (RJ).

Entre os cotados por Temer à vaga de Teori, estão nomes como os dos ministros Luis Felipe Salomão, João Otávio Noronha e Isabel Galotti, do STJ, e da procuradora paulista Flávia Piovesan. As possíveis indicações foram apontadas pelo jornal Folha de S. Paulo nesta sexta-feira (3), em reportagem dos jornalistas Gustavo Uribe e Valdo Cruz.

Ainda de acordo com o texto, Temer deve consultar a ministra Cármem Lúcia, presidente da Corte, sobre a indicação do novo nome na tentativa de afinar a relação entre Planalto e Judiciário. O jornal revela ainda que o presidente pretende se encontrar com a ministra neste final de semana para tratar do assunto.

No entanto, o nome só deve ser indicado após a formação da nova composição da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado CCJ, onde o novo ministro será sabatino.