Eduardo Vasconcelos tem pré-candidatura lançada em grande ato de filiação no PSB

A consolidação política do presidente do Sindicato dos Professores de Alagoas (Sinpro/AL), Eduardo Vasconcelos, teve mais um capítulo no último final de semana. Na sede do PSB, em Maceió, a pré-candidatura de Vasconcelos foi lançada durante um grande ato de filiações da sigla e da estruturação do Sindicalismo Socialista Brasileiro (SSB) em Alagoas.

Vasconcelos recebeu o apoio de lideranças da comunidade educacional e de diversos setores dos quatro cantos do Estado. A pré-candidatura de Eduardo aglutina o desejo da educação de qualidade e valorização dos trabalhadores; uma pauta  local que é anseio de toda população brasileira.

Quem marcou presença no evento foi o dirigente nacional do PSB,  presidente nacional da SSB e vice-presidente nacional  da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Joilson Cardoso, que também é pré-candidato ao Senado no Rio de Janeiro. “O inédito lançamento da SSB e a pré-candidatura de Eduardo Vasconcelos para a Câmara Federal é uma demonstração de crescimento e fortalecimento do PSB-AL”, enfatizou Joilson.

O coordenador da Fundação João Mangabeira em Alagoas,  Wellington Silva, o Tinho, parabenizou a unidade do PSB em torno de pré-candidaturas sólidas e com representatividade popular.

A diretoria executiva do PSB em Alagoas foi representada por Kassiano Andrade, que destacou a importante pré-candidatura de Vasconcelos e a estruturação da SSB no Estado, com a seguinte diretoria executiva:

Secretário – Eduardo Jorge Vasconcelos de Lima

Coordenador Geral – Fernando Antônio Feitosa Cedrim

Coordenador Geral – Elias dos Santos

Coordenadora – Enaura de Lima Fernandes

Coordenador – Keyllor Laurentino de França

Coordenador – Sdney César de Andrade Santana

Coordenador – Luiz Cláudio Silva e Castro

Bastidores

Hoje, o PSB possui em seus quadros o deputado federal João Henrique Caldas, o JHC, que é presidente do partido no Estado. JHC tem uma reeleição encaminhada para Câmara Federal, mas com a ida de Rodrigo Cunha (PSDB) para pré-disputa ao Senado há a possibilidade de JHC comandar o bloco de oposição em Alagoas contra  família Calheiros.

Alguns correligionários mais próximos ao deputado JHC confidenciaram a reportagem da Folha de Alagoas que até o final do mês o parlamentar irá decidir se realmente vai encarar a disputa do comando do Palácio República dos Palmares.