Prefeitura e Detran iniciam atividades do Maio Amarelo

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS), por meio da Gerência de Atenção à Pessoa com Deficiência (GAPD), iniciou esta semana as atividades do movimento Maio Amarelo. Voltado a motoristas, usuários e funcionários dos centros de reabilitação de Maceió, os trabalhos estão programados para acontecer durante toda a semana nos centros especializados em reabilitação, com o objetivo de chamar atenção para o alto índice de mortes e feridos no trânsito. A ação está sendo realizada em parceria com o Detran.

Em Maceió, as atividades do Maio Amarelo serão realizadas por meio de palestras dinâmicas, onde serão repassadas informações referentes ao autocuidado. Em cada uma das ocasiões, será apresentada também a importância da equipe multiprofissional, da reabilitação e da a superação dos usuários, bem como da família como cuidadora no momento da reabilitação.

De acordo com a assistente social do GAPD, Jathyla Sales, o objetivo principal da ação é a prevenção. “É preciso que tenhamos mais consciência dos riscos que corremos e expomos o outro quando somos imprudentes, infelizmente quando isso acontece é necessário saber que o Município possui centros especializados em reabilitação e que estão aptos para realizarem todo o tratamento necessário”, explicou.

Para os motoristas, funcionários e usuários das instituições, o evento segue o seguinte calendário: terça-feira (15), a partir das 15h na Sociedade Pestalozzi de Maceió, no Farol; quarta-feira (16), a partir das 14h na APAE Maceió e Áudio Visual, no Prado; quinta-feira (17), a partir das 14h, na Adefal + Crescer, no Farol.

Na sexta-feira (18), a partir das 8h no SindPrev, as ações são destinadas aos servidores e prestadores de serviço da SMS, ao Centro de Reabilitação (CER III) do PAM Salgadinho e a AAPPE, além dos pontos de atenção.

Campanha Maio Amarelo

O movimento Maio Amarelo nasceu com a proposta de conscientização para redução de acidentes de trânsito. A ação tem como objetivo estimular a participação da população, empresas, governos e entidades. No dia 11 de maio de 2011, a ONU decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito e o mês de maio se tornou referência mundial para balanço das ações.

Assessoria