Forró de luto: Zé Mocó tem crise de apendicite e não resiste

Da Redação

O Forró Brasileiro, em especial o alagoano está de luto. Faleceu neste domingo, 23/12, o compositor Carlos Martins de Oliveira, popularmente conhecido como Zé Mocó, de 52 anos.

Mocó não resistiu a uma crise de apendicite e veio a falecer no Hospital Geral do Estado (HGE), no bairro do Trapiche, em Maceió.

Mocó reclamou durante duas semanas de dores abdominais e chegou a ser atendido na UPA do Benedito Bentes. Sem maiores atenções médicas, Mocó seguiu com suas atividades normais e as dores que não cessavam, o relato é da sua esposa, Ilza Leão.

O sepultamento de Zé Mocó será realizado amanhã, 24/12, às 10h, no Cemitério São José, no bairro do Trapiche.

Zé Mocó, um show a parte