Alagoas, 18 de fevereiro de 2020

Pleno do TJ/AL julga ação penal contra João Beltrão


A ação penal em desfavor do deputado estadual João Beltrão de Siqueira, acusado da autoria intelectual do assassinato do cabo José Gonçalves da Silva Filho, em 1996, vai a julgamento no Pleno do Tribunal de Justiça de Alagoas, nesta terça-feira (26). Na sessão, prevista para começar 9h, as partes terão direito a uma hora de sustentação oral cada uma.

O Ministério Público Estadual acusa João Beltrão de ser o mandante do homicídio qualificado que vitimou cabo Gonçalves, ocorrido no dia 9 de maio de 1996, por volta das 11h, na pista do Auto Posto Veloz, situado às margens da avenida Menino Marcelo, em Maceió.

Adiamento

O processo seria julgado no dia 12 de setembro, mas a pedido do advogado de defesa, que comprovou uma viagem pré-agendada entre 4 e 22 de setembro, o relator do processo João Luiz Lessa adiou a data do julgamento.

Matéria referente à Ação Penal nº 0694320-39.1915.8.02.0002

Fonte: TJ/AL