Alagoas, 23 de fevereiro de 2020

Renan Calheiros chama Onyx de “desqualificado e lobista de tubaína”


Redação*

O senador Renan Calheiros (MDB/AL) taxou o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, como “síntese da desqualificação, lobista de tubaína e armas, além de criminoso confesso de caixa 2”. A mensagem foi por meio do Twitter.

Calheiros disse ainda que o país aguarda a demissão de Onyx. Os jornais Folha de S.Paulo e Estado de S. Paulo revelarem que o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), convidou o general Walter Souza Braga Netto para comandar a pasta vinculada à estrutura do Planalto. Onyx, no entanto, se esquivou sobre o assunto. Também é ventilada a possibilidade de ele assumir o Ministério da Cidadania no lugar de Osmar Terra.

Rixa antiga

Em 2016, o então deputado federal Onyx Lorenzoni (DEM-RS) prestou uma queixa-crime contra Renan Calheiros por calúnia, injúria e difamação. O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, rejeitou a denúncia.

Onyx entrou com o processo pelo fato de Renan ter lhe atribuído suposto caixa dois da indústria de armas em sessão do Congresso para discutir as dez medidas contra a corrupção, projeto de iniciativa popular patrocinado pelo Ministério Público Federal e sob relatoria de

Lorenzoni. Na mesma ocasião, Lorenzoni foi chamado de “Lorenzetti” e Renan disse que o deputado tem um nome que “parece de chuveiro”. O bate-boca ocorreu em sessão na qual o projeto de lei era discutido pelo Congresso, com a presença do ministro do STF, Gilmar Mendes, e o então juiz Sérgio Moro.

*Com Uol