Alagoas, 23 de agosto de 2019

Interior

Especialistas defendem investimentos públicos e apoio da sociedade na prevenção do suicídio

Especialistas defendem investimentos públicos e apoio da sociedade na prevenção do suicídio

Interior
Profissionais de saúde, educadores e a sociedade civil defenderam, na manhã desta segunda-feira (17), durante audiência pública no auditório da Associação Comercial, em Jaraguá, investimentos do Poder Público em iniciativas que possam barrar o crescente número de casos de suicídios registrados no mundo e em Alagoas. Chamaram atenção para a necessidade de instalação e manutenção de unidades de atendimento dotadas das condições para garantir assistência à população, com médicos psiquiatras, psicólogos e outros profissionais e afirmaram que este “é um dever também de todos os atores da sociedade”, mostrando os números e os fatores de risco. Defenderam ainda a formação de uma comissão para criar diagnósticos. A audiência, com o tema “Quebrando o silêncio”, foi convocada pelo vereador Siderl
Justiça marca para 16/10 leilão de terras e equipamentos da Usina Guaxuma

Justiça marca para 16/10 leilão de terras e equipamentos da Usina Guaxuma

Interior
Os juízes responsáveis pelo processo de falência da Laginha Agro Industrial designaram datas para o leilão de 65 imóveis rurais e diversos equipamentos da Usina Guaxuma, pertencente à massa falida da empresa. Juntas, as terras valem mais de R$ 667 milhões, segundo a avaliação da Justiça; e os equipamentos, quase R$ 152 milhões. A primeira praça será realizada em 16 de outubro, a partir das 14h, e a segunda em 30 de outubro, no mesmo horário. Confira o edital, publicado quinta-feira (13) no Diário da Justiça Eletrônico. A maior parte dos imóveis está localizada em Coruripe, mas há terras também em Campo Alegre, Teotônio Vilela e Junqueiro, todos municípios alagoanos. Os terrenos somam 17 mil hectares. Serão vendidos equipamentos como balança rodoviária, ponte rolante, caldeira de alta
Júri condena homem a 25 anos por homicídio em Penedo

Júri condena homem a 25 anos por homicídio em Penedo

Interior
O réu Josinaldo da Silva foi condenado a 25 anos e seis meses de reclusão, em regime inicialmente fechado, pela morte de Lailson José dos Santos, ocorrida em julho de 2011, no município de Penedo. O júri popular foi presidido pelo juiz Antônio Rafael Wanderley Casado da Silva, da 4ª Vara Criminal da Comarca, nessa quarta-feira (12). Segundo os autos, as duas irmãs e a mulher da vítima presenciaram o assassinato, que aconteceu na Rua Manoel Tavares. As testemunhas disseram que o crime foi cometido pelo réu e um comparsa, que estavam numa motocicleta. Porém, a motivação não foi esclarecida durante o processo. O réu nega ter participação no caso. Para o juiz Antônio Wanderley, as consequências do ato são graves, uma vez que a vítima deixou dois filhos. Há também três condenações anterio
Segurança, saúde e educação continuam sendo prioridades, garante Renan Filho

Segurança, saúde e educação continuam sendo prioridades, garante Renan Filho

Interior
O governador e candidato à reeleição pelo MDB, Renan Filho, garantiu nesta terça-feira (11), em entrevista concedida à TV Gazeta, que as áreas de segurança, saúde e educação vão continuar sendo as prioridades do Governo em seu segundo mandato. O governador também reafirmou a capacidade financeira do Estado para concluir e gerir os cinco novos hospitais que estão sendo erguidos em Alagoas, bem como se comprometeu com a realização de concursos públicos anuais para professores e policiais militares. Renan Filho destacou que, hoje, Alagoas é um dos poucos estados brasileiros com condições de fazer investimentos e contratar pessoal, mantendo em dia os salários dos servidores. “Sem dúvida alguma, o Estado tem condições de fazer concursos públicos para a saúde. Alagoas hoje é um dos estados co
Coordenadores e diretores avaliam indicadores de saúde

Coordenadores e diretores avaliam indicadores de saúde

Interior
Na manhã desta terça-feira (11), a Diretoria de Planejamento de Saúde, da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), reuniu diretores e coordenadores de nível central, para avaliar o andamento dos indicadores de saúde e apresentar sugestões. O encontro aconteceu no auditório da Prefeitura, em Jaraguá. De acordo com Sônia Moura, diretora de Planejamento em Saúde da SMS, os encontros servem para identificar as dificuldades, expor ideias e sanar dúvidas. “Nós precisamos prestar contas dos dados quadrimestralmente para o Conselho Municipal de Saúde e para a Câmara Municipal, então estamos sempre nos reunindo, a cada dois meses, para fazer uma apresentação da evolução e identificar os possíveis problemas”, explicou. O intuito dos encontros é montar estratégias para superar as possíveis dific