Alagoas, 18 de outubro de 2019

Cultura

Jennifer Aniston explora mundo das notícias da TV na série ‘The Morning Show’

Jennifer Aniston explora mundo das notícias da TV na série ‘The Morning Show’

Cultura
Quando Jennifer Aniston acertou sua participação em uma série para o novo serviço de streaming da Apple, sobre o cruel mundo dos telejornais matutinos, a trama parecia bastante simples até que explodiu a era #MeToo. Aniston, que se prepara para seu retorno à televisão após "Friends", acompanhou, ao lado do restante dos Estados Unidos, as demissões de apresentadores como Matt Lauer (NBC) e Charlie Rose (CBS) após acusações de assédio sexual. "Começamos a pensar como seria o tom, queríamos que fosse cru, honesto, vulnerável, confuso, não preto e branco", disse Aniston em uma entrevista em Los Angeles. O resultado é um olhar tenso, irônico e, às vezes, surpreendentemente sombrio dos bastidores de um noticiário fictício das manhãs em Nova York. Assédio de apresentador A série come
Temporada de cruzeiros cresce 30% e trará mais de 33 mil turistas para Alagoas

Temporada de cruzeiros cresce 30% e trará mais de 33 mil turistas para Alagoas

Cultura
Alagoas ganhará ainda mais turistas na próxima alta temporada de verão. Isso porque o segmento de cruzeiros, em expansão em todo o país, com previsão de crescimento 10% na costa Brasileira, crescerá 30% em Alagoas no período entre novembro de 2019 e abril de 2020. O número representa o triplo da média nacional, trazendo mais de 33 mil turistas de todo o mundo para o Porto de Maceió. O crescimento se deve ao aumento no número de cruzeiros, passando de sete, registrado na temporada passada, para nove. Os navios chegam a partir do dia 26 de novembro e são provenientes da Europa e da América Central, passando pelas principais cidades da costa Brasileira, trazendo turistas brasileiros e estrangeiros para Alagoas. Para o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael B
‘Grease’ vai virar série da HBO

‘Grease’ vai virar série da HBO

Cultura
A HBO está preparando uma série inspirada no universo de "Grease - Nos tempos da brilhantina" para sua futura plataforma HBO Max, anunciou nesta terça-feira Robert Greenblatt, presidente da Warner Media Entertainment. O filme musical, estrelado por John Travolta e Olivia Newton-John, é um dos maiores sucessos do cinema de todos os tempos e virou cult. "A série retomará certas músicas e personagens do filme de 1978", declarou Robert Greenblatt durante uma coletiva no MIPCOM, o mercado de Cannes para programas de TV. Segundo ele, o seriado transcorrerá no mundo do ensino médio, onde os personagens de Travolta e Newton John estudaram, e vai se chamar "Grease: Rydell High". "As comédias musicais estão de volta", disse Greenblatt. "Grease é realmente ótimo, está na encruzilhada de t
Ludmilla encontra fã que escreveu sobre rejeição de ‘Onda diferente’

Ludmilla encontra fã que escreveu sobre rejeição de ‘Onda diferente’

Cultura
Ludmilla voltou a fazer referência nesta segunda-feira (14) ao caso revelado por ela de que a música "Onda diferente", sua composição, foi rejeitada pela gravadora antes de Anitta pedir para gravar a faixa. Ela divulgou nesta segunda-feira uma foto abraçada com um fã nos EUA que escreveu uma longa sequência de posts no Twitter em defesa da cantora. "Leiam isso", Ludmilla escreveu junto da foto. O fã, Rafa Rodrigues, disse que Ludmilla entrou em contato após ele escrever os posts. Nas mensagens de Rafa no Twitter, ele diz: "Por que a Ludmilla se importa tanto em se reafirmar como compositora de Onda Diferente? E pq ela tá mais que certa?". Em vários posts, ele diz que a cantora foi subestimada: "Ludmilla foi barrada pela gravadora de gravar/lançar a música pois não acreditavam n
‘Fifa’ x ‘PES’: Novas versões dos games de futebol criam rivalidade entre amigos na Brasil Game Show

‘Fifa’ x ‘PES’: Novas versões dos games de futebol criam rivalidade entre amigos na Brasil Game Show

Cultura
O novo capítulo da Konami veio com maior foco em esports e até adicionou a modalidade ao nome oficial do jogo. A jogabilidade do “PES 20” tem movimentação mais lenta, mais contato entre os jogadores e mais autonomia para o jogador. O funcionário público Vinicius Pedroso, de 30 anos, gosta dos times exclusivos do “PES”. “Prefiro porque eu gosto de futebol e não de patinação, como acontece no ‘Fifa’. Além disso, tem muito time brasileiro exclusivo." Para o professor Guilherme Liberalesso, de 23 anos, o mérito é dos gráficos. “É mais realista e tem um gráfico melhor, times exclusivos e modos com histórias interessantes e dinâmicas.” O estudante Calebe Santos, de 16 anos, é prático. “É mais simples de jogar e mais fácil de aprender”. Time ‘Fifa’ O jogo da EA voltou com jogabilidad